Apresentaçao do curso

Ensino


Publicada em 28 de Janeiro de 2014

Atualizada em 11 de Junho de 2014


O Curso de Ciências Contábeis da UFG foi criado em 31/05/05 pela Resolução do CONSUNI n° 10/05 e pela Resolução CEPEC nº 807/2006, que fixou o Projeto Pedagógico do Curso (PPC). O primeiro vestibular ocorreu ainda no final do ano letivo de 2005. Em fevereiro de 2006, iniciou seu primeiro semestre letivo com uma turma de 30 alunos com aulas somente no período noturno. Nesse período o curso foi sediado na Escola de Agronomia e Engenharia de Alimentos EAEA/UFG, no Campus Samambaia, no Km 0 as margens da rodovia Goiânia / Nova Veneza.

Em 2010, o Curso de Ciências Contábeis juntamente com os cursos de Administração e Ciências Econômicas, formaram uma nova unidade acadêmica: a Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Ciências Econômicas (FACE), localizada na Alameda Palmeira c/ a Rua Samambaia, quadra D7, Campus II Samambaia, e suas aulas ministradas no Centro de Aulas Baru “B”.

Em 2014, o Projeto Pedagógico do Curso foi reformulado para adaptar a nova realidade da contabilidade brasileira e mundial. Nessa alteração foi transferida a turma do meio do ano predominantemente noturno para o turno predominantemente matutino, sendo ofertado por processo seletivo 40 vagas por turma, totalizando 80 (oitenta) vagas anuais. Além disso, o curso aumentou sua duração de 8 (oito) para 9 (nove) semestres.

Desde sua criação o objetivo do Curso é formar bacharéis em Ciências Contábeis capacitados para atuarem nos mais diversos segmentos do mercado e da sociedade, em empresas privadas e entidades públicas, com habilidade e postura gerencial, com ética, profissionalismo e, sobremaneira com visão sistêmica, reflexiva e crítica quanto ao futuro da sociedade, focando o desenvolvimento e crescimento social de forma humana e, inserido no processo de valorização dos meios indispensáveis de sobrevivência e bem estar.

A estrutura curricular contempla os seguintes eixos temáticos: contabilidade para tomada de decisões; contabilidade financeira; auditoria e perícia contábil; história e teoria da contabilidade. Enfoca, em seus eixos, os fundamentos científicos e históricos do conhecimento da contabilidade aliados à execução prática nos diversos segmentos de atividade em que o bacharel em Ciências Contábeis pode atuar, tais como: profissional autônomo; sócio de empresa ou escritório prestador de serviços contábeis, auditor; consultor fiscal-tributarista, analista de custos e gerencial, e analista econômico-financeiro das demonstrações contábeis de entidades públicas ou particulares. Pode atuar, também, no assessoramento tributário-fiscal a pessoas físicas, em perícias contábeis judiciais e extrajudiciais, em avaliações patrimoniais, e na constituição, incorporação, cisão, fusão ou liquidação de empresas.

Ainda na estrutura curricular e demais atividades previstas no PPC, temas emergentes e relevantes, como por exemplo, responsabilidade social, ética e meio ambiente, são abordados com o intuito de formar uma visão ampla do conhecimento da sociedade tanto nos aspectos econômicos quanto sociais, culturais e ambientais.

O conteúdo do curso contempla a construção de sólidos conhecimentos científicos contábeis nos diversos ramos de atividade das entidades, tanto privado quanto públicos. Também, a formação do aluno está voltada para áreas diretamente relacionadas com as organizações: como o Direito, em seus ramos público e privado, tributário, trabalhista e comercial; a Economia, que abrange estudos introdutórios, micro e macroeconômicos; a Administração, focada na teoria geral, organizacional, mercadológica e financeira. Na formação humanística através de estudos de Sociologia, Filosofia, Ética e Economia, o curso possibilita ao aluno compreender a importância da contabilidade, sua evolução e interação com a sociedade, o raciocínio lógico e quantitativo e o desenvolvimento do senso crítico e analítico.

Os bacharéis em Ciências Contábeis devem desenvolver as seguintes competências e habilidades:

  1. utilizar a terminologia e a linguagem próprias das Ciências Contábeis e Atuariais;
  2. demonstrar uma ampla visão interdisciplinar da atividade contábil;
  3. elaborar pareceres e relatórios que contribuam para a eficácia dos seus usuários, quaisquer que sejam os modelos organizacionais;
  4. aplicar adequadamente a legislação inerente às funções contábeis;
  5. desenvolver a liderança entre equipes multidisciplinares, considerando a geração e disseminação de informações contábeis, com nível de precisão e utilidade;
  6. exercer suas funções contábeis e atuariais com domínio, responsabilidade quanto ao gerenciamento, ao controle e à prestação de contas da sua gestão à sociedade;
  7. produzir informações para o processo de tomada de decisão;
  8. implantar sistemas de informação contábil e de controle gerencial;
  9. exercer com ética e proficiência as atribuições e prerrogativas que são prescritas através da legislação específica, revelando domínio adequado aos diferentes modelos organizacionais;
  10. ter iniciativa, criatividade e senso crítico.